Bala perdida atravessa mão do pai e acerta na cabeça de garoto no Rio de Janeiro

O menino Arthur Gonçalves Monteiro, de cinco anos, foi atingido por uma bala perdida na noite de segunda-feira (27), no Engenho Novo, na Zona Norte do Rio de Janeiro. A bala acertou na cabeça e está em estado grave no Hospital Salgado Filho.

Advertisement

Arthur estava com o pai em uma partida de futebol no morro São João quando começou uma intensa troca de tiros entre policiais da UPP e traficantes. Os criminosos fugiram e ninguém foi preso.

Advertisement

O pai de Arthur, Paulo Roberto Monteiro, se jogou por cima do filho para protegê-lo e foi atingido por uma bala na mão. O projétil atravessou a mão de Paulo Roberto e ficou alojada na cabeça do garoto.

Advertisement

Paulo Roberto também foi levado para hospital, foi atendido, medicado e passa bem. Arthur deu entrada no Hospital Vital e depois foi encaminhado para o Salgado Filho, onde passava por cirurgia na madrugada desta terça-feira.

A Polícia Civil vai investigar de onde partiu o tiro que atingiu Arthur.

Advertisement

Advertisement